segunda-feira, 18 de abril de 2011

Arezzo, sapatos e guerreiros com pé de barro.

E então surgiu uma guerra conta a Arezzo, tudo porque ela lançou uma coleção com pele de coelho e raposa. Isso, perfeitamente adequado ao nosso inverno rigoroso. Obviamente.

Sim, estou sendo irônica.

Pessoalmente considero usar pele de animal (exclua aqui pessoas que vivem em lugares com neve, realmente muito frios e isto se torna questão de sobrevivência ) muito cafona sabe? Coisa de perua , que não tem outra alternativa a não ser usar um animal fofo, peludinho e morto em volta do pescoço pra desviar a atenção da cara velha e detonada dela. Mas enfim...

O assunto aqui será outro.

Crazy lil thing called HIPOCRISIA.

Fiquei admirada com o número de guerreiras instantâneas que apareceram contra a tal coleção, indignadas, raivosas e munidas de teclados afiados , prontas para mover um enorme abaixo assinado. Gritando aos quatro cantos que nunca mais vão comprar nada da marca. Aham, senta lá Cláudia.

(Deixando claro: eu nunca comprei nada da Arezzo e nem me ligo nos lançamentos deles, só soube desta nova coleção por conta do bad buzz)

Pra começar eu APOSTO que todas essas lindas revoltadas tem ao menos um item de couro em casa: aquele sapatinho lindo, aquela bolsa must have da ultima estação. OH MEU DEUS COURO TAMBÉM É PELE!!! Será que vocês se esqueceram disso? Uma vaquinha linda e fofa foi sacrificada para VOCÊ ter uma carteira igual a que apareceu no Sex and the city.

E você ai toda linda e ligada em moda apedrejando uma empresa, quando deveria ser mais racional e olhar pra si própria antes de qualquer coisa.

Honestamente: eu dúvido que na próxima grande liquidação não estarão todas lá acampando na porta da loja pra barganhar aquela sapatilha nude-que-combina-com-tudo-e-tem-um-tufinho-de-rabo-de-raposa. Pele: sinal de riqueza né? e com um desconto gordo nós esquecemos as convicções e os protestos de teclado....

Por que afinal amiga, estava com um preço ótimo.

>Gostou ? Aproveite e me siga no Twitter :)

14 comentários:

Karine disse...

adorei.

exatamente oq penso hahaha

Anônimo disse...

Acho muito diferente sim usar uma peça de couro e pele de raposa.

As vacas são abatidas para que o ser humano (carnívoro desde os primórdios de sua existência) possa se alimentar, e o couro delas é aproveitado. No caso das peles, o animal é sacrificadpo apenas para uso delas. Além disso, a raposa é um animal selvagem, que não pode ser caçado predatoriamente para uma produção em larga escala como a da Arezzo.

Anônimo disse...

Acho muito diferente sim usar uma peça de couro e pele de raposa.

As vacas são abatidas para que o ser humano (carnívoro desde os primórdios de sua existência) possa se alimentar, e o couro delas é aproveitado. No caso das peles, o animal é sacrificadpo apenas para uso delas. Além disso, a raposa é um animal selvagem, que não pode ser caçado predatoriamente para uma produção em larga escala como a da Arezzo.

[2]

Anônimo disse...

Vc esta certa em defender as vacas mas nao por isso deve concordar com essa crueldade com os coelhos e raposas, se vc acha normal, eh uma opiniao sua, mas acho que matar unicamente para usar a pele que e algo totalmente futil eh muito diferente da vaca que se mata p utilizar a carne e depois sim utilizar o couro.

Camila disse...

Isso PORQUE você come carne. E a vaca morre do mesmo jeito que a raposa. Portanto, a diferença está na cabeça do caro amigo carnívoro. Devia assistir TERRÁQUEOS para ver com seus próprios olhos que é igual. Ser carnívoro é opcional.

Camila disse...

Isso PORQUE você come carne. E a vaca morre do mesmo jeito que a raposa. Portanto, a diferença está na cabeça do caro amigo carnívoro. Devia assistir TERRÁQUEOS para ver com seus próprios olhos que é igual. Ser carnívoro é opcional.

@rsmelo disse...

alem dos inúmeros cosméticos (shampoo, maquiagem, etc) que usam animais para testes, não é por que não tem um pedaço do animal grudado ao produto que ele não agrida animais, mas isso o pessoal não reclama, falta de informação mascarando as opiniões.

Cachorro Míope disse...

Pra mim, a diferença é q a vaquinha linda e fofa foi abatida para eu comer a carne dela, não teve seu couro arrancado enqto ainda viva, e o couro é um subproduto deste abate. Vaca não está em extinção e, no Brasil, são criadas em pasto estensivo, ao contrário dos EUA, onde são criadas em confinamento. Sou contra as peles, concordo q arrancar a pele de uma marta, lontra, chinchila seja somente para desviar a atenção das caras decrépitaa de quem usa suas peles. Não há nenhuma razão para se usar peles de animais selvagens, principalmente num clima como é o brasileiro.

Camila disse...

Não concordo com nenhum dos usos. Defendo o direito dos animais. Não os como, não os visto. Simples. Para mim, é consciência. Só isso... Nunca acharia normal matar um animal, seja por qualquer motivo... =)

Gilberto disse...

Mulheres e seus desejos estranhos...
=P
Aposto que quem comprar essas roupas, aqui no Brasil vão suar como umas porcas! =)
E tenho dito.

Rafa disse...

é uma grande palhaçada, hipocrisia mesmo, então, só porque vc come a vaca quer dizer que a morte da vaca é menos mal que a morte da raposa...

bando de babaca, ao invés de defender o direito do cara que se fode a vida inteira, ao inves de tentar ao menos votar direito fica defendendo vida de raposa, tnc!

PS. artigos de couro são o que há, é um material durável, bonito e de fácil lavagem... tenho uma jaqueta de couro que não troco por nada, sem contar tenis e sapatos....

Gilberto disse...

Esse assunto tá mais polêmico que... MAMIIIIILOS!!! *-*
hauhauahuahuahau

(Só pra quebrar a grosseria da resposta anterior)

FariaTF disse...

"Tá tudo bem eu usar carteira de couro e comer carne, mas aquela raposinha é tão bonitinha. Feia! Marca feia!!" Ah vão dar meia hora de cú em vez de ficar falando mal da Arezzo.

Direito dos animais meu p**, ok? Essas são as mesmas pessoas que adoram uma picanha mal passada, mas matar o boi é feio. WTF? Kd nexo?!

Na boa, as únicas pessoas que podem falar alguma coisa da marca são aquelas que não usam/vestem/comem nada de origem animal ou que não os agrida direta ou indiretamente. Agora vamos lá, amgs. Quantos dos que falaram mal da Arezzo são assim?

Uma rodada de suco pro pessoal, galera! Por minha conta!!

Belíssimo texto, Letícia.

Anônimo disse...

Acho muito diferente sim usar uma peça de couro e pele de raposa.

As vacas são abatidas para que o ser humano (carnívoro desde os primórdios de sua existência) possa se alimentar, e o couro delas é aproveitado. No caso das peles, o animal é sacrificadpo apenas para uso delas. Além disso, a raposa é um animal selvagem, que não pode ser caçado predatoriamente para uma produção em larga escala como a da Arezzo.

[3]