domingo, 5 de setembro de 2010

Dica de filme: Devdas

Olá amáveis leitores ! o post a seguir será recheado de cores, romance e talvez spoilers -mas este ultimo item talvez não pese tanto na hora de assistir a dica de hoje.
Depois de ter a trilha na pastinha de favoritos a séculos, fui atras do filme para assisti-lo, afinal se as músicas são boas, o filme obviamente seria - minha lógica de pensamento. Acertei.

Devdas (2002) é a terceira refilmagem de uma famosa história indiana, sendo a primeira a ser em cores. Foi o filme mais caro da indústria bollywoodiana até aquele ano, sendo também ganhador de inúmeros prêmios ao redor do mundo.

Vamos ao enredo:

Devdas (Shahrukh Khan) é um advogado recém-formado, que retorna para sua casa -uma mansão enorme- após 10 anos de estudos na Inglaterra. Mansão, Índia, estudos no exterior e advogado:podemos concluir que ele é rico. A noticia deixa todos na sua casa empolgados principalmente sua mãe que quer ser a primeira que o filho "bote os olhos" na sua volta a terra natal.

Pausa: A mãe de nosso herói consegue ser a cruza dos arquétipos de "mãe judia" e "mãe italiana": Exagerada, super-protetora e dramática ao extremo. Tudo isso em uma moldura de pulseirinhas e saris lindos. Voltando.

Para a surpresa de todos na sua casa, o bom moço opta por passar primeiro na casa da sua vizinha - e paixonite de infância- Parvati (Aishwarya Rai). Conhecemos assim a mocinha, suas intenções e sua história: desde a partida de Devdas, ela acendeu e "cuidou" de uma lamparina representando seu amor e devoção. Sim, 10 anos e a chama nunca se apagou.

A fofissíma canção contando a história dela. Legendas em inglês:

Muito amor e paciência faria igual

O encontro deles reacende todos os sentimentos guardados por anos e fica claro que eles irão se casar.

É assim que se flerta na Índia. Carta na cara, quase arrancando um olho e jogo de quem consegue colocar a pulseirinha.

>>>Pare de ler aqui se você não quer saber o final do filme, e corra para procura-lo e assistir<<<

Mas um pequeno detalhe é lembrado constantemente pela cunhada à mãe dele: a mocinha vem de uma "linhagem" de dançarinos e não seria uma escolha de noiva adequada, podendo rebaixar a imagem da família. Um equivalente grosseiro seria dançarinas do Tchan X familia Real Inglesa, entenderam?. O casamento é dado como certo pela familia Parvarti ,e sua mãe toda empolgada vai à casa de Dedvas formalizar o pedido, com direito a cantoria e agradinhos à futura sogra: em vão. Ela termina humilhada pela mãe do moço, já envenenada pelas palavras da nora. A mãe de Parvati então amaldiçoa Devdas e sua família e promete que casará sua filha com alguém mais rico e poderoso que o ex-futuro genro.

Nesse meio tempo, Devdas proibido de ficar com sua amada, cai em depressão e sai pela cidade com um amigo afogando as mágoas com muita bebida e bordeis. É ai que ele conhece Chandramukhi (Madhuri Dixit), uma cortesã que acaba se apaixonando por ele. Ele cai em si, e volta para Parvati, mas somente a tempo de assistir seu casamento arranjado com um quarentão viúvo, com filhos da idade dela - e sim, muito mais rico e importante que ele. Climão NADA manero no dia do casamento.

Assim cada um segue sua vida, bem infeliz. Devdas entra em decadência total: doente de tanto encher a cara, rolando por bordéis e Parvoti tendo que lidar com enteados da mesma idade e um marido que só pensa na esposa falecida.

Um dia Parvoti descobre o quanto Devdas está acabado e vai a sua procura para ajudá-lo. E é com a cortesã, também apaixonada por ele, que ela conta para proteger e salvar seu amado. Obviamente isso rende uma sequencia musical sensacional:

É muito amor você pedir pra outra tomar conta do seu amado, porque não quer que nada de ruim aconteça com ele.
Em vão.
Devdas com suas ultimas forças pede que o deixem na casa de Parvati, para que ali ele morra em seus braços, como ele mesmo havia desejado. A seguir a seqüencia final do filme, com incrível fotografia e muita simbologia:


Chorei horrores.

Infelizmente este video não achei legendado com uma qualidade decente, então vou explicar: Um empregado da casa conta a Parvati sobre um homem que está morrendo na porta da mansão, ao saber a descrição e seu nome ela sai desesperada para encontra-lo. Mas o marido manda que fechem o portão, impossibilitando o ultimo encontro dos dois.

Muito emocionante, recomendo que vocês procurem assistir nesse feriadão.(ou qualquer tempo livre)

>Gostou da dica? Aproveite e me siga no Twitter :)

5 comentários:

Fábio N Sarmento disse...

Tudo isso em uma moldura de pulseirinhas e saris lindos. Voltando.


AHUAUHAUHAUHA e a parte do é o tcham achei digno.



Lelê sempre detalhista em TUDO

Rafael disse...

"Climão NADA manero no dia do casamento"

CHOREI.

Leticia (aka Leticce ) disse...

Fafá: Detalhes são importantes, é quase uma aula esse post hahaha. By the way tá trabalhando pra Espalhe manolo?

Rafael:cimão manero não podia ser né ? ahahah

Wesley Souza, Leticia Nayra disse...

Olá, quero convidar à Todos.Sem compromisso, para que visite nosso agregador de Links, e aproveite para mandar o seu, http://ilinkis.blogspot.com/

Vinicius disse...

Esse filme é muito bom mesmo e a trilha é divina!

Amo filmes Indianos!

Shahrukh Khan é meu grande ídolo!

Letícia você conhece a comunidade do orkut quero cinema indiano no brasil?

se puder passe por lá!


Parabéns pela postagem eu adorei!